Chegando em Milão, prepare-se para “filtrar” cada detalhe que os seus olhos avistarem. Elegância, simplicidade, gentileza, beleza,
arte, design e um ‘savoir-vivre’ de dar inveja ao mais parisiense dos seres!

blog-4

Milão tem belos monumentos, mas é também a capital industrial e financeira da Itália. As maiores indústrias do país, concentram-se no norte da Itália e têm escritórios em Milão.
Os bancos de investimentos estão presentes na cidade, trazendo business men de todos os cantos do mundo para a cidade.

Com isso, Milão movimenta bilhões de euros com negócios inteligentes e práticos, além da preocupação constante com sustentabilidade.

Os estacionamentos de carros elétricos são um belo exemplo. Você não vai encontrar uma cidade com tantos carros elétricos na Europa, como Milão.
E ainda podem ser alugados! Existe também um app que dispõe vários Smart cars para os moradores e turistas. Chama-se Car2Go.

blog-2

Mas não se preocupe com carros, a não ser que você queira viajar pelos arredores. Milão tem uma malha de transportes públicos excelente e muito eficiente.

Adoro caminhar quando viajo, para conhecer bem cada cantinho por onde passo. E Milão é uma cidade onde tudo é perto. O lugar mais distante que o turista desejará ir,
dentro da cidade, fica a 18 ou 20 minutos de taxi.

Caminhando, você se depara com os belíssimos jardins privados da cidade. Aliás, basta olhar para cima e ver os jardins suspensos nas coberturas milanesas.

 

blog-3

Aproveite para caminhar pelo centro. Visitar a belíssima Duomo di Milano. Passear pela Piazza Duomo, visitando a prestigiosa livraria Mondadori, e, continue a descobrir a cidade pelas ruas da Zona
Magenta, região residencial de luxo dos locais.

Não pode perder a caminhada por Brera, bairro do design e das artes. Várias galerias de artes abrem suas portas para o circuito Fuorisalone que ocorre junto ao maior evento da cidade, o Salone
del Mobile. Além das artes e do design, estão maravilhosos restaurantes, todos tradicionais.

blog4

Aventure-se pelo Quadrilatero dela Moda. Via Montenapoleone, Via della Spiga, Via Gesù, Via Manzoni. Esse é o quadrilátero que ferve durante os eventos de moda de Milão. Todo mundo parece ter saído
de um filme publicitário, de tão bem vestidos e elegantes.

Depois de passear, experimente o famoso happy hour de Milão, com os deliciosos ‘Aperitivos’, servidos com acompanhamento de “finger foods” ou pequenas porções de pasta, onde o cliente só paga o drink.

blog-1

A gastronomia milanesa também é especial. Prove, sem culpa, um bom Vitello alle milanese com limões sicilianos. Inesquecível! Os melhores restaurantes não são os ‘grifados’. São aqueles tradicionais, com garçons simples e educados, onde uma boa refeição custa entre 35 e 70 euros por pessoa.

blog-2

E quando alguém lhe disser que dá para conhecer Milão em 2 dias…duvide.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.