Hoje em dia ar condicionado virou sinônimo de qualidade de vida e talvez seja uma das maiores dúvidas para quem está reformando ou montando a casa: Como escolher o seu ar condicionado.

Primeiro você precisa saber quantos Btus seu ambiente precisa, e o que é mesmo BTU pessoal ? Hahá… —-> British Thermal Unit é a unidade que representa a quantidade de frio que precisa reduzir a temperatura.

Existem algumas sacadinhas importantes.

1-Quantas pessoinhas vão estar neste espacinho ?

2-Quantos equipamentos irão funcionar tipo, TV, computador, home theater, vídeo game e outras coisitas mais, conte um por um, sabe porque ? Isto vai esquentando, esquentando e daí quando você se tocar, se não tiver contado direitinho, vai ficar quente para caramba!!!

3-Que tipo de iluminação tem neste ambiente, graças a tecnologia, o LED chegou, porque ele não esquenta, mas se forem incandescentes, conta mais um item.

4- As janelas também esquentam, sabia? Porque é de lá que entra o calor, mas as cortinas são super importantes, porque amenizam a temperatura.

Bem agora vamos às contas.

Para começar em cada ambiente a gente considera 600 Btus por metro quadrado, depois faz uma continha básica, qual a metragem quadrada de lá ? Ahn, se voce não sabe como achar, vou te dar uma dica, meça a largura e depois multiplique pelo comprimento, achou? Beleza, pronto agora que você já tem o metro quadrado, é só multiplicar por 600 Btus, e daí de repente você me fala, olha mas lá vai ter mais gente, ah é ? Então você tem que somar mais 600 por cada pessoinha que for ficar lá dentro. E soma mais 600 se tiver aqueles aparelhos que te falei lá em cima. E mais 600 se tiver janelas para caramba,

E quando o lugar que voce estiver calculando pegar muito sol, já sabe ao invés de 600 tem que calcular com 800 Btus.

Vamos por como exemplo que seu quarto tem 15 m2, então fica assim:

600 x 15m2 +

600 (da outra pessoinha) +

600 (da janela) +

1200 (do computador e da TV +

0 (Você é esperto é usa lâmpada de LED) ,já falei em outro post sobre o LED, como ele te economiza.

TOTAL = 36.000 BTUs

E esta conta dá super certo com uma altura entre 2,60 a 3,00 metros.

 

ARQUITETA INDICA #1

  • Se, seu ambiente for grandão, se for alto para caramba, ou se for para uma montoeira de gente, consulte uma Empresa que tenha especialização em Ar Condicionado, é muito técnico nesta área, pois dimensionamento de altas cargas térmicas exigem cálculos específicos.

 

  • Não use aparelho com potencia abaixo do que voce achou naquela continha lá de cima, sabe porque ? Seu aparelho vai sofrer muito e trabalhar mal, você vai ter que dar mais manutenção e a sua luz vai subir muito sem contar que demora para resfriar o local. Você não vai querer isto né ?

 

Agora é só escolher o melhor modelo, temos um mercado vasto. Eu considero o Split versátil, funciona em duas unidades, é necessário uma instalação específica por conta das tubulações, se adequa a pequenos ambientes e o mais maneiro é que estes modelos podem ser espelhados, em cores e podem ser adesivados combinando com o ambiente.

 

O portátil é mais indicado para ambientes pequenos, funcionam bem parecido como o ar-condicionado de janela, a diferença é que você não precisa furar paredes, apenas ter uma janela próxima para que o ar quente saia por lá. Uma grande vantagem é ser portável, e a desvantagem é que gastam mais energia elétrica.

E há os antigões de janela, que você já conhece.

ARQUITETA INDICA #2

Preserve o bolso e a natureza economizando energia

  • Dê preferência a aparelhos automatizados que oferecem a opção timer.
  • A opção Inverter possui máquinas modernas para voce não tomar um susto com sua conta de luz. A tecnologia Inverter diminui a energia de compressor do ar-condicionado pois não há necessidade dele operar com alta capacidade. Esse sistema inteligente pode diminuir o consumo de energia elétrica em até 60%.
  • Evite a instalação do aparelho onde há luminosidade do sol.
  • Não force o aparelho; se for sair e demorar, desligue o cara, mas se for não for demorar muito, deixa ele ligado. O ar-condicionado gasta muito mais energia se precisar passar novamente pelo processo de resfriamento.
  • Faça a manutenção preventiva e mantenha os filtros limpos, isso evita a redução da sua eficiência e não sobrecarrega o aparelho, evitando desperdício de energia elétrica.

*Imagens retiradas da internet.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *